Notícia

Vereadores tratam assuntos diversos em Reunião Ordinária

Assessoria e Comunicação CMOB 26/09/2017

Na Ordem do dia foram aprovados quatro Projetos de Lei e um Projeto de Resolução

A Reunião Ordinária do dia 26 de setembro, aconteceu com os pronunciamentos de vereadores e votação dos temas na pauta da ordem do dia. Na condução dos trabalhos, o Presidente da Câmara, vereador Geraldo Pedro da Silva (PSL) deu seguimento à sessão na ordem dos temas propostos do dia, passando primeiramente aos pronunciamentos que foram seguidos de votação.

O vereador Charles Silva Gomes (PMN) em seu pronunciamento expôs que realiza seu trabalho para atender as demandas da população, que precisa trabalhar e não de fazer palco, precisa fazer jus ao que a população o paga. O vereador se disse ofendido com as palavras da vereadora Nilma em uma referida situação e pediu respeito. Quanto à questão da insalubridade que o governo cortou de servidores, Charles relatou que esteve em reunião com algumas categorias que pediram soluções referentes ao assunto, pois recebem há mais de 20 anos e não entendem porque houve o corte. O vereador comentou que esteve também com a Presidente do Sindicato dos servidores públicos, Kátia Stelamares e destacou que as equipes da limpeza e da saúde precisam receber a insalubridade. Em relação ao movimento pela proteção da Serra de Ouro Branco, que aconteceu na última semana, Charles agradeceu ao pessoal da ONG Recanto dos animais, Brigada de Incêndio, IEF, APAE e outros que participaram, lembrando que em breve irá a reunião com o Estado do Meio Ambiente para tratar da proteção do Parque Estadual da Serra de Ouro Branco. Finalizando, agradeceu ao pessoal do IFMG pelo convite para o debate a respeito da transparência na administração pública e contou que os próprios moradores da Rua João Catarina estão solucionando  a demanda da rua com recurso próprio.

Em seu pronunciamento, o vereador Carlos Roberto Rodrigues, Roberto (PSDB) destacou que o trabalho que tem realizado diante das demandas que chegam dos munícipes, as leva às Secretarias responsáveis na busca de soluções e felizmente a maioria dos vereadores também tem feito dessa forma. Em relação ao trabalho no calçamento da Praça das Rotas, o vereador agradeceu ao Secretário de Obras, Leonardo Ferrari e ao Prefeito por autorizar a intervenção. Roberto relatou que a AMALPA (Associação dos municípios do Alto Paraopeba) auxiliou com equipamentos, que também são utilizados para atender as demandas das Comunidades Rurais. Diante do exposto, comentou que o município tem feito cortes para dar conta de manter as ações e o apoio da AMALPA é fundamental. Por solicitação ao Deputado Federal Rodrigo de Castro, Roberto disse que foi disponibilizada uma Emenda Parlamentar para investimentos de infraestrutura urbana e essa semana será disponibilizado o pagamento para melhorias na iluminação e extensão de rede para diversos locais. O vereador pontuou que o município ainda não tem condições de fazer todas as intervenções na iluminação com recurso próprio, por isso a Emenda foi a melhor forma de atender as demandas no momento e lembrou que desde 2012 não foi feita nenhuma extensão de rede em Ouro Branco.

Diversos assuntos foram tratados pelo vereador José Irenildo Freires de Andrade, Lan (PCdoB) em seu pronunciamento, entre eles a reunião que participou junto à Associação dos Catadores no bairro São Francisco, que enfrentam muitos problemas, entre eles a falta de uma sede própria. De acordo com o vereador, a associação realiza um trabalho fundamental ao município, evitando que a materiais recicláveis acabem indo para o aterro sanitário, por isso precisa de mais incentivo do Executivo. De acordo com Lan, a Gerdau já havia dito que disponibilizaria terreno para a Entidade, porém ainda nada foi fechado. Como forma de contribuição ao trabalho da reciclagem, o vereador pediu também à população que separe o lixo em casa. Outro assunto exposto foi o empenho da Comunidade de Carreiras no enfrentamento ao problema de abastecimento de água, ao qual parabenizou os moradores e relatou que sempre faz suas visitas para oferecer seus trabalhos de vereador, lembrando que outros vereadores também já solicitaram melhorias no abastecimento de água e o apoio da Copasa também tem sido fundamental.

A vereadora Nilma Aparecida Silva (PT) utilizou seu pronunciamento para explicar a situação exposta pelo vereador Charles, dizendo que o que comentou em seu gabinete é que se ofende pessoalmente com o colega por tê-lo como um amigo, que sempre trabalhou em parceria no mandato passado. A vereadora ressaltou que o assunto não é para ser tratado no Plenário, não é de interesse público. Diante do seu trabalho como vereadora, Nilma explicou que sempre que leva as demandas ao Executivo, às Secretarias responsáveis, recebe resposta, mesmo que negativa em no máximo dois dias, ressaltando assim que até o momento não tem posicionamento contrário aos trabalhos do Executivo por isso. Quanto aos Projetos que chegam do Executivo, a vereadora contou que são debatidos em reunião entre os vereadores e que se vê que vão gerar benefícios à cidade tem seu voto favorável, sendo que alguns já foram até mesmo retirados antes de ir ao Plenário por acordo feito nas reuniões, que não seria viável. Nilma expôs também que todos os vereadores representam alguma parcela da população e que por isso precisam se respeitar, assim como legitimamente o governo foi eleito pelo voto popular e ressaltou que assim como no mandato passado, caso haja indícios de erros das ações do governo, fará seu papel de investigar. A vereadora finalizou dizendo que se o vereador se ofendeu pode denunciar, pois assim como sempre respondeu, irá fazer o mesmo se necessário for.

O vereador Rodrigo Vieira Duarte (PSD) agradeceu aos alunos e professores do IFMG pelo convite para falar sobre improbidade administrativa e destacou ter sido um debate muito proveitoso.

Como líder de governo, o vereador Roberto convidou todos os vereadores para visita ao ECOTRES na quarta feira (27) para conhecer os trabalhos de perto, falou do Festival da Batata que acontecerá no próximo mês, salientando que ao fim do evento, terá início as comemorações da semana do servidor público na Praça de Eventos e também ressaltou o respeito entre os vereadores e o trabalho que devem realizar em prol do município.

Como líder de seu partido, o vereador Charles leu um relato de uma servidora pública que trabalha na cozinha do Hospital Raimundo Campos, que fala a respeito da rotina da equipe e da importância de receber a parcela de insalubridade ou periculosidade.

Antes de dar início à votação dos temas em pauta, o presidente da Câmara, vereador Geraldo Pedro da Silva (PSL) ressaltou a importância dos assuntos tratados pelos vereadores e também falou sobre o respeito entre os vereadores, sendo que cada um tem sua representatividade junto à população, que cada um tem que trabalhar com sua consciência e que todos tem o direito de votar conforme entende que é correto. Geraldo contou que em seu primeiro mandato foi oposição ao governo e contrário ao Prefeito Silvio Mapa na época